PREGAÇÃO: “Deus nos amou primeiro” (1 Jo 4,19) – Chárbel RCC Viçosa

Nesta tarde de domingo do Seara o atual coordenador da Renovação Carismática Católica de Viçosa-MG, Chárbel, se colocou disposto a fazer a vontade de Deus falando conosco sobre o tema do Seara 2019: “Deus nos amor primeiro” (1Jo 4,19).

Após se apresentar Chárbel realizou a leitura da passagem 1Jo 4, 19, ressaltando o Amor de Deus por nós. Dizendo como somos eleitos, projetos e escolhidos por Deus. E destacou como é importante saber usar nosso livre arbitro, pois nas várias vezes que fazemos algo que nos coloca pra baixo, e coloca em cheque nossa vitória, devemos lembrar que Deus nos amou primeiro e que nascemos pra dar certo em nome de Deus.

Na maioria das vezes não temos noção do que o amor de Deus pode fazer em nossas vidas, e pra isso precisamos acreditar profundamente no seu amor. E ter a certeza de que o amor de Deus é algo que não tem fim, que não cessa.

No entanto o amor de Deus só faz sentido quando nós, filhos de Deus, temos a convicção e fé neste amor. Pois o amor de Deus só se faz eficaz em nossas vidas quando abrimos o coração para Ele. A final, não estando de coração aberto de nada adianta o amor do Senhor, porque é algo que também depende de nós estar de coração aberto pra deixar Deus agir.

O Seara é uma ótima oportunidade de transformação, onde Deus dá vasão, caso façamos a nossa parte. É o momento da nossa miséria, enquanto ser humano, que se encontra com a misericórdia de Deus.  

Chárbel nos levou a refletir como não podemos parar nas derrotas e nas coisas que não dão certo em nossa vida, pois a misericórdia de Deus por nós é muito maior que isso. Nossa fidelidade e busca por Deus trás a salvação.

Deus nos ama sem reservas, e buscar a Deus é o que nos faz sermos melhores em nossas vidas crendo que o dia de amanhã vai ser melhor que o dia de hoje.

Finalizando, Chárbel conduziu o momento de oração realizando o convite de colocarmos nossa miséria diante da misericórdia de Deus, sendo um momento de Deus realizar cura em nossos corações.

Por Mirian Silva – Equipe de Mídias

Comentários no Facebook